domingo, julho 29, 2012

Aviso aos mais incautos

A uma semana da feira do Torrão, avisa-se não só quem nos queira visitar como os próprios torranenses, de uma situação de perigo: a irregularidade do piso de um dos lados da rua que dá acesso ao recinto e que aliada à fraca iluminação, poderá pôr em risco os transeuntes. Perigo de quedas e entorses nomeadamente de senhoras com sapatos de salto. É preciso também cuidado com os automóveis. O apelo em forma de aviso está dado e aconselha-se a quem vá à feira a procurar o passeio do outro lado da rua.
Ficou a meio o trabalho de aperfeiçoamento e agora já é tarde para fazer o que quer que seja. Só para o ano.
Que seja assegurada a segurança ainda que mínima e que pelo menos seja sinalizado o local ou que torne o piso mais regular com a colocação de inertes. Afinal de contas sinalização é coisa que não tem faltado. Fica o apelo e o aviso.

 Uma perspectiva geral do local

 É preciso particular atenção com os locais onde estão as tampas de esgoto por estas acentuarem as irregularidades

 Apesar da zona ter sido intervencionada o ano passado, o alcatrão não chegou, o trabalho ficou a meio e o risco é bem real

 Em primeiro plano, a zona aconselhada para a circulação pedonal

 Mais em pormenor, o trabalho levado a cabo, marcações incluídas

 Outra imagem pormenorizada da irregularidade

 Particularmente perigoso é este ponto

 Uma imagem mais pormenorizada dá conta do desnível do buraco

 O mesmo local de outro ângulo e com imagem aberta para localizar o ponto


 Outro perigo prende-se com as grelhas de escoamento de água

 Mais um ponto delicado

 Aqui, um pormenor de alguns remendos que foram feitos. Improviso e provisório é a imagem que dá

Outro pormenor do local

sexta-feira, julho 27, 2012

Mensagem de apoio a Portugal nos Jogos Olímpicos via rádio

Também na Rádio Mirasado, a rádio do nosso concelho, o apelo ao apoio de todos aos portugueses nos Jogos Olímpicos e Paralímpicos. Pedra no Chinelo marca a sua presença doa a quem doer. VIVA PORTUGAL!

video




Envie também as suas mensagens:

Jogos Olímpicos: Apoio a Portugal



O Pedra no Chinelo apoia incondicionalmente Portugal nos Jogos Olímpicos e deseja boa sorte a toda a comitiva olímpica e paralímpica nacional.
FORÇA PORTUGAL!

quarta-feira, julho 25, 2012

Terminou a agonia

AVISO: O TEOR DAS IMAGENS PODERÁ SER CHOCANTE PARA PESSOAS MAIS SENSÍVEIS E CRIANÇAS

Depois de termos ido ontém à tarde constatar «in loco» - junto à estrada que dá acesso à fonte da Rata - o estado em que se encontrava a burra, que foi notícia pelas piores razões na semana anterior, facto que foi aqui noticiado, e de nos termos deparado com o cenário degradante que as imagens revelam, foi enviada uma mensagem particular, via Facebook, a informar do desenvolvimento da situação, a quem tinha dado início ao processo, e de cujo teor sublinha-se este trecho:
Entretanto o asno vai agonizando lenta e dolorosamente sob o impiedoso calor do Alentejo e, pese embora o facto de estar debaixo de uma oliveira, passa fome e sede pois está sem forças para sequer se levantar. Entretanto os oportunistas do costume já apareceram: uma legião de moscas varejeiras que impiedosamente fustigam a burra que, sem forças para as afugentar, as deixa poisar nos olhos, boca, vagina e ânus. Provavelmente estas iniciarão brevemente, se é que não iniciaram já, a sua macabara tarefa: a postura de centenas de ovos nos referidos locais; ovos que eclodirão e cujas larvas começarão de imediato a alimentar-se, se ela entretanto resistir, do animal ainda vivo. 
 Só há duas soluções viáveis: o abate ou o recolhimento do animal para dignamente terminar os seus certamente escassos dias e  minimizando o seu sofrimento.






video

Imagens recolhidas a 24 de Julho por volta das 18:00 horas

Hoje voltamos ao local e constatou-se o inevitável. A burra jazia inanimada. Como teste, o arremesso de uma pequena pedra sobre o corpo do animal que não deixou a mínima dúvida: a sua não reacção e a natureza do impacto que deu para perceber que o corpo já estava em «rigor mortis», rígido, indicio de que já estaria morto há algumas horas. Havia, enfim e por fim, terminado a sua agonia. A morte foi piedosa para com o malogrado animal e veio cedo, antes que o inevitável cenário traçado se tornasse uma realidade. Posteriormente, depois de nos dirigirmos à GNR para dar conta do facto, por este ser um problema de salubridade pública, fomos informados de que esta já tinha conhecimento de facto e que o veterinário tinha estado junto ao animal por volta das onze horas. Foi sensivelmente por essa altura que o animal pereceu, ficando totalmente dissipadas todas as dúvidas e confirmada a análise feita minutos antes a qual se revelou correcta.
 Agora há que proceder rapidamente à remoção da carcaça pois o número de moscas praticamente triplicou e a decomposição vai iniciar-se e será acelerada pelo facto de ser Verão o que implica que ali está um foco de elevado risco para a saúde pública.

Mais um nódoa para o Torrão no que à saúde e bem estar animal diz respeito. Lamentável e evitável.





video

Imagens recolhidas a 25 de Julho por volta das 14:00 horas

Feira do Torrão marca o início das Comemorações dos 500 Anos do Foral do Torrão


A feira do Torrão irá servir de rampa de lançamento para o início das Comemorações dos 500 Anos do Foral do Torrão e para a apresentação da programação. Recorde-se que este tema foi-nos caro e que nos batemos aqui no Pedra no Chinelo e alertamos de várias formas para a data da efméride.

Informação: Feira do Torrão


P.S. - Apenas fazer um reparo a uma pequena gaffe: Ao invés de estar escrito Bombeiros Voluntários do Torrão deveria estar sim Bombeiros Mistos do Torrão.

domingo, julho 22, 2012

Zona afectada por corte de electricidade debate-se agora com a falta de água

Um mal nunca vem só. Depois do corte de electricidade que afectou parcialmente o Torrão durante a madrugada e manhã de hoje, uma ruptura numa conduta principal, na Rua de Santa Maria, levou à interrupção no abastecimento de água. O problema já está a ser resolvido pelo piquete camarário, porém, e para cúmulo, uma avaria na retro-escavadora levou à paralização dos trabalhos por cerca de trinta minutos. O problema mecânico deu-se no motor de arranque da viatura. De referir que a mesma também que perde imenso óleo.
Valeu contudo, e há que ressalvar, a competência e perícia do piquete, e em particular do operador da máquina, o qual conseguiu resolver rapidamente o problema mecânico.
Fica porém o apelo para que a Câmara Municipal de Alcácer do Sal dote os seus trabalhadores de equipamento em boas condições e que proceda à reparação ou substituição do que está obsoleto.


 A máquina retro-escavadora paralizada com o balde no interior do buraco que entretanto vai acumulando água

 Na imagem é visível o óleo que a máquina vai perdendo e as manchas no chão


Os trabalhos a serem retomados depois de solucionado o problema mecânico

Torrão parcialmente em blackout durante oito horas consecutivas

Parte do Torrão esteve oito horas sem electricidade desde sensivelmente as duas horas da madrugada até às dez horas e trinta minutos de hoje, devido a avaria no novo(?!) PT contíguo ao edifício do Centro de Dia da Santa Casa da Misericórdia do Torrão. A zona afectada englobou as ruas e casas particulares servidas pelo referido PT sendo elas a Rua do Poço Mau, a Rua das Freiras, o Largo dos Fidalgos, parte da Rua dos Fidalgos, Largo do Cruzeiro, Rua do Jericó, Travessa D. Inácia, a rua do Posto Médico antiga Topo Sul do Poço Mau, agora denominada Rua Sebastião Brites Pinto e a Rua do Penedo Minhoto.
O próprio Centro de Dia foi também ele fortemente afectado na medida em que também ficou totalmente privado de electricidade e grande parte dos seus equipamentos são eléctricos.
A situação está provisóriamente reposta, enquanto os técnicos da EDP procedem à reparação dos danos, porque um gerador foi deslocado para o local e encontra-se neste momento a alimentar a zona afectada.



 O gerador de alta tensão que restabelece provisóriamente corrente eléctrica na zona afectada



Na vida como no desporto... sempre!

sexta-feira, julho 20, 2012

quinta-feira, julho 19, 2012

Burrices à moda do Torrão

É básicamente só coisinhas destas que o Torrão tem para apresentar ao mundo. Sempre! Sempre pela negativa; sempre! Já com os porcos foi o que foi (que até televisão meteu e foi notícia de abertura em todos os noticiários).
Virem pessoas de fora ver o que cá ninguém quer ver e depois admiram-se.... Se isto se consta nas redondezas, nas localidades vizinhas! Claro que tinha que ser alguém de fora a dar brado, porque cá... bem, cá... se não for o Paulo Selão e o Pedra no Chinelo...
Infelizmente há muita cobardia e muitos Pilatos por cá. Já outros só se mexem depois do caso chegar a estas proporções. Que tristeza! Que miséria! Que vergonha! Não é preciso dizer mais nada. Fica apenas um testemunho:

Na Vila do Torrão na zona de Alcácer do Sal está uma Mula a morrer à fome e já muito desidratada. Quem fez este pedido de ajuda diz que tem local para a por mas não tem como a transportar e teme que já seja tarde demais para se ajudar este animal =( Será que podem dar uma mãozinha ou conhecem alguém que possa fazer o transporte desta grande menina? Se sim deixo o contacto da pessoa que quer fazer algo mas não sabe como!
Teresa Campos
933 299 360
 
Fonte: Facebook

Foto: Vera Santos in Facebook

Mais vale tarde... I

Há já nove meses, por aviso de um leitor atento e preocupado, alertou-se aqui no Pedra no Chinelo para o perigo da grelha de esgoto na rua prependicular à rua Nossa Senhora do Bom Sucesso estar invertida e portanto representar um perigo nomeadamente para quem circula de bicicleta. Fosse pelo que fosse - e se calhar motivado por uma queda de algum ciclista - finalmente vieram funcionários directamente de Alcácer do Sal soldar pedacinho a pedacinho de ferro aos ferros longitudinais à rua, mesmo no centro da grelha. Nove meses depois! Nove! Lá diz o ditado que mais vale tarde do que nunca.
Está resolvido e é o que importa.




Portugal sem fogos depende de todos







domingo, julho 15, 2012

Informação: médicos no Torrão a partir da próxima semana


A partir da próxima semana, o Torrão já terá, ainda que provisóriamente, assegurados dois médicos de clínica geral. Assim faz-se saber que nas próximas quarta-feira, 18 de Julho, haverá consultas de clínica geral pelo Dr. Rui Oliveira, das 9.30h às 13.30h e sexta-feira, 20 de Julho, haverá também consultas de clínica geral pela Dra. Iolanda Noronha, também das 9.30h às 13.30h.
Reclamar e denunciar as diversas situações não só resulta como tem o condão de acelerar os processos.

Índice democrático 2011: Devia dar que falar









Fonte: Wikipedia