domingo, julho 20, 2014

Procissão Fluvial no Rio Sado - Foto-reportagem

Decorreu na noite de ontem a tradicional Procissão Nocturna Fluvial no Rio Sado em honra de Nossa Senhora do Castelo, em Alcácer do Sal. A procissão saiu da Igreja de Santa Maria, próximo da Pousada D. Afonso II, e foi até ao Rio Sado onde uma dezena de embarcações estava à espera. A imagem foi transportada no galeão Pinto Luisa, pertença da Câmara Municipal de Alcácer do Sal.

O cartaz alusivo à procissão deste ano

Imagem de Alcácer do Sal, à tardinha, de lugar sobranceiro à zona baixa. No rio são visíveis as embarcações

Em aproximação do local de saída da procissão. A torre da igreja de Santa Maria - que carece de uma pintura - monumento construído nos séculos XII e XIII e atribuída à Ordem de Santiago

Pormenor do tecto da igreja de Santa Maria. O tecto em madeira pintado de branco e azul com pormenor das armas do Reino de Portugal

Uma pormenor do local

A procissão já na rua

Um pequeno percalço. Uma desatenção levou a que não se baixasse a imagem e a coroa de Nossa Senhora do Castelo ficou presa nos enfeites do largo junto à zona de embarque. Um problema que foi rapidamente solucionado.

As embarcações no rio

Embarque da imagem sacra no galeão Pinto Luisa


A procissão fluvial no seu início











A procissão já a decorrer

Falta de civismo. Quem seria e a partir de que barquinho é que alguém jogou ao rio uma garrafa de plástico? O Sado já está muito poluído e volta-e-meia vinha um cheiro pestilento quando a agitação era maior.



Já no fim da procissão


Pormenores do galeão Pinto Luisa, um dos dois galeões ambos propriedade da Câmara Municipal

No encerramento da procissão houve fogo de artifício


video

video

video

video

Sem comentários: